11 de dezembro de 2017 - 14:06

Brasil


2018 terá mais feriados prolongados; saiba preparar o bolso para aproveitar

Que tal se programar para curtir os feriados em 2018? Para a alegria geral dos trabalhadores, o ano que vem terá 13 feriados nacionais (incluindo pontos facultativos). Desses, dez podem ser prolongados, emendando com a folga do fim de semana --um a mais que em 2017 (veja lista abaixo).

Para quem deseja aproveitar, especialistas em finanças pessoais fazem duas recomendações básicas: planejamento e controle dos gastos. Confira algumas dicas.

 

Quanto antes se programar, melhor

Deixar a decisão de viajar para a última hora não costuma ser uma boa escolha e pode prejudicar o orçamento. É simples: perto da data do feriado, ainda mais se for um feriado prolongado, os preços de passagem, hospedagem e passeios costumam ficar mais altos do que o normal. 

Por isso, preparar-se com antecedência ajuda a evitar dor de cabeça lá na frente. "Por exemplo, pense em uma viagem que fará no feriado de 7 de setembro. Até lá, você terá tempo de sobra para se organizar em tudo o que precisar", diz a planejadora financeira Fernanda Prado, da LifeFP.

 

Escolha um destino que caiba no seu bolso

Será que os lugares para onde você quer viajar cabem no seu bolso? Essa é uma pergunta importante. Segundo os especialistas, mais importante é saber quanto você poderá gastar. A partir desse valor, separe os destinos viáveis, até chegar ao que mais lhe agrada.

"Se você quer ser financeiramente responsável com seu descanso, o ideal é não se apertar. Caso contrário, o perigo é deixar a emoção falar mais alto do que a razão", afirma Thiago Alvarez, sócio-fundador do aplicativo GuiaBolso.

 

Tenha na ponta do lápis quanto vai gastar

Montar uma planilha de gastos para a viagem é uma ideia bem-vinda, segundo os especialistas. Coloque ali todos os itens: passagem aérea, de ônibus ou combustível (se for de carro), hospedagem, alimentação, transporte na região e passeios previstos.

Nessa conta, também é importante considerar imprevistos, que infelizmente acontecem. Quem tem plano de saúde pode verificar com a operadora se o plano cobre o destino da viagem. "Caso contrário, preveja um valor para despesa médica", diz Alvarez.

Alguns fatores são importantes para tornar a viagem mais barata e interessante. Um deles é a época escolhida: "Viajar para Salvador no Carnaval é caro e lotado. Já na baixa temporada, pode ser agradável e muito mais em conta", diz Fernanda.

Escolher a hospedagem de acordo com a localização é outro ponto estratégico. Por exemplo: quanto mais próximo aos meios de transporte ou aos locais que pretende visitar, melhor para o bolso. 

"Pesquise os passeios interessantes e faça cotações. O que puder comprar antes, melhor. Algumas opções ficam mais baratas em grupos. Vale a pena consultar agências especializadas para conhecer as opções", afirma Fernanda.

 

Poupar ajuda a viajar sem preocupações

Quem se organiza com antecedência tende a viajar com tranquilidade, mesmo em períodos mais caros, como feriados prolongados. Uma estratégia valiosa é economizar e deixar o dinheiro rendendo até a data da viagem. Com isso, você terá a quantia necessária para pagar à vista, o que pode gerar bons descontos.

Como vai usar o valor em um prazo menor que um ano, busque investimentos conservadores, de baixo risco e com liquidez diária, ou seja, que permitam resgatar o dinheiro rapidamente a qualquer momento. Entre as opções estão fundos DI e Tesouro Selic.

Também vale a pena procurar CDBs de bancos de pequeno e médio porte com prazos determinados --por exemplo, seis meses. O buscador de investimentos Yubb ajuda a encontrar alternativas. Nesse caso, um cuidado fundamental é "casar" o prazo de vencimento da aplicação com uma data próxima à viagem.

 

Aproveite as milhas

Quem tem cartão de crédito com programa de fidelidade pode trocar os pontos acumulados por passagem aérea ou hospedagem. Nesse caso, é importante verificar as regras de cada empresa. Por exemplo, saber qual a validade dos pontos, quais companhias aéreas ou hotéis aceitam as milhas, etc..

"Algumas companhias aéreas e hotéis dão descontos para compras antecipadas. Outras, para pagamentos à vista. Vale a pena conferir, mas sempre verificando a credibilidade da empresa", diz Celina Ramalho, professora de economia da Fadisp (Faculdade Autônoma de Direito).

 

Use sites e aplicativos para comparar preços

A internet pode ser uma aliada e tanto na hora de pesquisar preços para viajar. Sites como Quanto Custa Viajar ajudam a comparar os custos de diferentes destinos. Quem vai viajar para o exterior pode usar sites e aplicativos para cotar dólar e outras moedas.

Além disso, existem sites de comparação de preços de hospedagem (hotel, pousada, hostel, apartamentos, entre outros), como ing.com/index.pt-br.html">BoingSkyscannerTripAdvisor e Trivago.

Avalie se compensa usar serviços de aluguel de quartos e apartamentos, como Airbnb. Pode ser uma opção mais barata, segundo os especialistas. "O Airbnb é especialmente bom para viagens em famílias ou em grupo de amigos, pois oferece casas e que ficam muito mais em conta", diz Alvarez.

Use os sites de busca de passagens aéreas, como Decolar.comKayak e Melhores Destinos. "Alguns avisam quando os preços baixam. Além disso, também vale a pena pesquisar diretamente com as companhias aéreas sobre promoções", afirma.

 

Quer juntar férias com feriado? Pense duas vezes

"Se você está pensando em juntar dias de férias com o feriado, pense se conseguirá dar conta dessa despesa, que vai aumentar", diz Fernanda. Para evitar problemas financeiros lá na frente, é preciso avaliar com cuidado se o orçamento comporta os valores.

Revisar o plano, optando por uma viagem mais simples ou deixando-a para outro momento, é algo a ser considerado, segundo ela. "Não significa desistir, e sim rever a melhor época."

 

Folgas em 2018

 

Veja a lista dos feriados e pontos facultativos do ano que vem, incluindo feriados estaduais e municipais

  • 1º de janeiro (segunda-feira): Confraternização Universal
  • 25 de janeiro (quinta-feira): Aniversário de São Paulo (feriado municipal)
  • 13 de fevereiro (terça-feira): Carnaval (ponto facultativo)
  • 14 de fevereiro (quarta-feira): Quarta-feira de Cinzas (facultativo até 14h)
  • 30 de março (sexta-feira): Paixão de Cristo
  • 21 de abril (sexta-feira): Tiradentes
  • 1º de maio (terça-feira): Dia do Trabalho
  • 31 de maio (quinta-feira): Corpus Christi (ponto facultativo)
  • 9 de julho (segunda-feira): Revolução Constitucionalista de 1932 (feriado estadual, em São Paulo)
  • 7 de setembro (sexta-feira): Independência do Brasil
  • 12 de outubro (sexta-feira): Nossa Senhora Aparecida
  • 28 de outubro (domingo): Dia do Servidor Público
  • 2 de novembro (sexta-feira): Finados
  • 15 de novembro (quinta-feira): Proclamação da República
  • 20 de novembro (terça-feira): Consciência Negra (feriado em cinco Estados e em vários municípios, como São Paulo e Rio de Janeiro)
  • 25 de dezembro (terça-feira): Natal

 

UOL